Projeto de Leitura - Livros Viajantes

 

«Como não existem leis que possam proteger-nos de nós próprios, nenhum código penal está em condições de prevenir os delitos contra a literatura, mesmo que possamos condenar a material supressão da literatura – perseguições aos escritores, uso da censura, fogueira de livros -, consideramo-nos impotentes diante do crime mais grave: a indiferença em relação aos livros, o desprezo pelos livros, a não - leitura. Por este delito cada pessoa paga com toda a sua vida; e, se o delito é cometido por uma nação inteira, a nação o paga com a sua história.» (Joseph Brodsky, excerto do discurso pronunciado na ocasião em que recebeu o Prémio Nobel da Literatura, em 1987).

 

.

À Escola compete esta função, também ela pedagógica, de criar e consolidar leitores. Acreditamos que a prática leitora é uma aposta social, um antídoto contra o analfabetismo funcional, a pobreza de linguagem e de pensamento; acreditamos que ler é um ato de justiça social e, ao trabalharmos para que todos sejam leitores, estamos a prevenir a exclusão, já que a informação é poder e libertação.

A Leitura, agora acessível nas suas múltiplas formas e democratizada, é um tesouro que todos os dias tem que ser cuidado, relembrado, trabalhado, para melhor ser divulgado e usufruído.

Devemos cultivar o gosto pela leitura em todos os ciclos de vida, complementando com a educação e a formação. Acreditamos que a Leitura e o despertar para mundos outros, seja essencial para um crescimento efetivo, integral e feliz.

A motivação para a leitura é um dado fundamental e essencial na e da Escola, seja em que suporte for. Hoje, descodificamos a vida quotidiana, escolar e/ou profissional, tal como as atividades de lazer, com recurso permanente ao processamento de mensagens em diferentes suportes e formatos.

Sendo a leitura um meio privilegiado de desenvolvimento e humanização da sociedade e porque se acredita que a leitura é a base de todos os saberes, continuamos a acreditar que a função essencial de qualquer Biblioteca é promover a Leitura, semear algum incómodo para que o utente seja levado a agir, a querer algo mais…ser um ponto de referência, um apoio, um parceiro de sempre…

 

Anexo 2 Projeto de Leitura Livros Viajantes20142015.pdf (211278)

 

Contacto

Bibliotecasademiranda

candida.filomena.batista@sa-miranda.net

Rua Dr. Domingos Soares
4710-290 Braga

253 200 980

Procurar na página

Excertos  para o mês de outubro do livro

Como um Romance, Daniel Pennac, Edições Asa, 5ªedição,1995

«O verbo ler não suporta o imperativo. É uma aversão que compartilha com outros: o verbo amar… o verbo sonhar…

Em matéria de leitura, nós, os «leitores», temos todos os direitos, a começar pelos que recusamos aos jovens que pretendemos iniciar na leitura.

 

1)     O direito de não ler.
2) O direito de saltar páginas.
3) O direito de não acabar um livro.
4) O direito de reler.
5) O direito de ler não importa o quê.
6) O direito de amar os «heróis» dos romances.
7) O direito de ler não importa onde.
8) O direito de saltar de livro em livro.
9) O direito de ler em voz alta.
10) O direito de não falar do que se leu.» (p.139)

 

«O homem constrói casas porque está vivo, mas escreve livros porque sabe que é mortal. Vive em sociedade porque é gregário, mas lê porque se sente só. A leitura constitui para ele uma companhia que não ocupa o lugar de nenhuma outra, mas que nenhuma outra poderia substituir. Não lhe oferece nenhuma explicação definitiva acerca do seu destino, mas tece uma apertada rede de conivências entre a vida e ele. Ínfimas e secretas conivências que falam da paradoxal alegria de viver, mesmo quando referem o trágico absurdo da vida. Por isso, as razões que temos para ler são tão estranhas como as que temos para viver. E ninguém nos pede contas dessa intimidade.

            Os raros adultos que me deram livros a ler, fizeram-no sempre de modo muito discreto, e nunca me perguntaram se eu tinha compreendido. A esses, evidentemente, eu falava das minhas leituras. Vivos ou mortos, ofereço-lhes estas páginas.» (p.166)

© 2012 Todos os direitos reservados.

Crie o seu site grátisWebnode